Carmel-by-the-Sea – Turistando na Califórnia 6/40

Carmel-by-the-Sea é uma cidade romântica cheia de encantamentos. Galerias de arte, clima europeu, praia, restaurantes charmosos e lojas descoladas atraem os turistas. É difícil alguém não gostar do clima da cidade. Carmel é única e fica somente a 150 km de São Francisco <3.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Nós chegamos em Carmel quando já estava anoitecendo. Eu e Rafael alugamos o carro no sábado, saímos de Belmont pela manhã, almoçamos em Monterey, andamos pela praia e passamos a tarde na reserva estadual Point Lobos (Clique aqui para ler o post sobre Point Lobos). Após algumas horas de caminhada pela reserva, nós chegamos famintos e cansados em Carmel. Porém, o cansaço não nos impediu de visitar a Missão de Carmel fundada em 1771 pelo Padre Junipiro Serra ❤ , nem nos impediu de andar pela cidade, apreciar os quadros e entrar nas lojinhas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Uma lojinha especial roubou a atenção do meu coração. The White Rabbit é uma loja apaixonante situada no Centro de Carmel 😀 . Lá Alice ainda vive no país das maravilhas. Depois de tanto sonho, eu e Rafael fomos dormir.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA OLYMPUS DIGITAL CAMERA OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

No domingo, saímos de Carmel e dirigimos pela Highway 1, parando nas praias, curtindo o visual.  A vista é tão linda que resolvemos desacelerar :). Sentamos na areia e aproveitamos a manhã de domingo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Eu e ele relaxamos muito. Fiquei muito feliz, pois Rafael fica tão lindo fotografando :D.  O dia estava ensolarado e nós tomamos até aquelas limonadas americanas.

2014-10-05_11-00-02OLYMPUS DIGITAL CAMERA OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Voltamos para Carmel para almoçar e descubrimos outras lojinhas lindas, andamos pela praia, vimos uma igreja muito fofa, achamos um mural homenageando Charlie Chaplin ❤ , entramos nas galerias e voltamos para Belmont com o coração partido!!!

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Point Lobos – Turistando na Califórnia 5/40

Quando tomo iogurte de baunilha ou viajo para alguma cidade bonitinha lembro da minha mãe ❤ involuntariamente. No final de semana, eu e Rafael decidimos botar o pé na estrada 😀 e em cada parada eu sorria junto com ela. A viagem foi linda, mas como Rafael não tem carteira de motorista… era eu quem estava dirigindo, ou seja, medo de morrer a cada curva :P.

No sábado nós alugamos um carro e partimos em direção a Monterey, uma cidade situada na costa da Califórnia Central. Não passamos muito tempo lá porque a grande atração era a reserva Point Lobos, mas deu tempo de almoçarmos mariscos no Fisherman’s Wharf e tirarmos algumas fotos do centro da cidade e da praia.

MontereyMontereyMonterey

Point Lobos é uma reserva estadual localizada após a entrada de Carmel-by-the-sea (assunto para o próximo post 😉 ). Trata-se de um museu ecológico que abriga mais de 500 espécies de plantas, pássaros e outros animais. Os habitantes mais famosos são os leões marinhos. Os seus latidos roucos fazem lembrar lobos… daí o nome Point Lobos. O visitante da reserva pode andar pelas trilhas, nadar em algumas praias, ver a ilha dos pássaros, escutar os sons da vida, ver os leões marinhos etc. Dizem que Point Lobos é o melhor local para ver o encontro do mar com as rochas na Califórnia. A reserva é realmente perfeita :D.OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Nós adoramos passar a tarde na reserva, curtindo a vida que habita aquela região :D. Algumas trilhas beiram o mar, outras cortam os bosques nativos. Infelizmente, chegamos por lá depois das 3 da tarde e não tivemos tempo de explorar as trilhas menos famosas. Foi tudo bastante agradável… seria melhor apenas se nós tivéssemos nos organizado melhor e trazido água e uns lanchinhos.

Point Lobos ReserveOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAPoint Lobos Reserve

No final quando nós estávamos voltando para o carro, após termos andado horrores sem água para ver a ilha dos pássaros ❤ , nós vimos algo parecido com um bebedouro e nos arriscamos :D. A água parecia de poço, mas estava deliciosa. Rafael, infelizmente, não bebeu muito porque um enxame de abelhas estava ameaçando atacar. Até hoje não sabemos se a água era própria para o consumo humano. Mas cá estamos nós vivos :P.

Observação: para entrar na reserva a pé não precisa pagar nenhuma taxa. Nós pagamos $10 apenas porque queríamos entrar com o carro, mas tem gente que deixa o carro fora da reserva e vai a pé. Fica a sua escolha.

Point Lobos Reserve - Ilha dos pássaros

2014-10-04_18-23-09No próximo post da série falarei sobre Carmel-by-the-sea e contarei o resto da viagem! Sei que acabei demorando para postar algo, mas essa semana foi bem atribulada com prova de inglês, aulas, show de Lily Allen, visita do Brasil, etc. Eu já estava até ansiosa para postar, pois as fotos de Rafael estão lindas ❤ demais.